Meus pés



Meus pés têm vontade própria
E se eles resolvem sair por aí
Não adianta fazer cara feia
Nem espernear pra ficar
Meus pés não me deixam fugir
Por outro lado isso até ajuda
Eu nem preciso escolher aonde ir
Quando eles querem correr
Batem perna é, é um deus-nos-acuda
Vão até o inferno atrás de você
Eles comem grama, cimento, asfalto, assoalho
Areia, tapete
Eles seguem você
Eles pisam de leve, encurtam caminhos
Descobrem atalho
Pra chegar em você
Eles não tão nem aí
Se o seu cabelo está vermelho
E seus olhos de gato do mato
Me dão plenitude, desejo e sonho
Meus pés gostam de dormir de pé
Pra ficar da altura da sua cabeça
Eles querem que tudo aconteça
Que a gente adormeça
Como anjos
Vamos dançar com passos de anjo
Meus pés vão levar você..

Bom sábado procês!


0 comentários:

Elaine Cristina de Paula. Tecnologia do Blogger.

Meu fugaz devaneio..

Minha foto
Rio Claro, SP, Brazil
A essência da vida está com você, aproveite!

Vale a Pena Visitar

Devaneios Anteriores

Seguidores

Contador de visitas