Sem nexo


Lembrança que eu não consigo recordar

Até quando não lembrar?

Haja coração.

Sempre que eu acordo

Eu nunca me lembro aonde estou

E nem quem eu sou

Quantas tentações no dia

E você vem despir a minha mente?

Deixando ela só de calcinha..

Que delicia quando você me agarra

Teu cheiro, teu gosto..

Só nós e em todos lugares

No tempo onde o sentimento voou

Uma liga perfeita da imperfeição

Eu e você; você e eu

Mas, a gente se perdeu da gente

A lembrança com cores

Com legenda invisível

Que bate no peito e estoura

Atormenta e passa

Que fraqueza.

Sem saber que tudo passou

Eu não consigo..

Nem o que vou..

Mas, contínuo acesa

Caminhando sob a linha do horizonte

Sob o breu dos meus olhos.

Sua pele..

Não saí de cima

Não agora..

Nem eu..

Nem tu..

Que melancolia

Meu dEUS!!!

Mas, eu nem ligo mais..

Se você não me ligar

Só tente..

Só tente..

3 comentários:

Alan Farias disse...

Eu achei o blog mto bonito , e gostei da postagem .
estou seguindo o seu blog .
Segue o meu tbm ?

www.jogandonaparede.blogspot.com

Me fugaz devaneio.. disse...

Obrigada, querido Alan. Estou fazendo um arranjo musical em cima. Mas, como eu te sigo? Sou um tanto leiga pra isso.

@thaisysillva disse...

muito bom o blog,postagens otimaaas

Elaine Cristina de Paula. Tecnologia do Blogger.

Meu fugaz devaneio..

Minha foto
Rio Claro, SP, Brazil
A essência da vida está com você, aproveite!

Vale a Pena Visitar

Devaneios Anteriores

Seguidores

Contador de visitas